Dia Da Mulher

Encontrei o texto abaixo lendo coisas na internet, e ameiiiii, gostei muito do que li e cheguei as minhas conclusões , que eu NÃO irei publicar aqui, pra não correr o risco de citar mesmo que indiretamente alguém (ahahah) como diz o meu noivinho todas as minhas idéias a respeito do meu papel enquanto mulher vão totalmente de encontro as idéias das mulheres ditas modernas...
Só sei que não quero passar pela vida atrás de objetivos que não têm importância pra mim e deixar de lado o que realmente eu quero, o que eu acredito
Então para todas as mulheres um dia muitíssimo especial



A Mulher e o Sonho


Sueli Caramello Uliano

Há uns anos, numa imprevisível reação da minha filha, vivi uma cena que me fez e ainda faz pensar. Transcrevo aqui o episódio como consta na introdução de um pequeno livro meu sobre feminismo.
«Entro no elevador com a minha filha de três anos e um metro de altura. E ela exprime então, contemplando a botoeira, o grande sonho da sua vida:
- Eu ainda vou crescer e alcançar aquele número lá do alto!
Brinco com ela, dizendo-lhe que vai fazer coisas mais interessantes do que andar de elevador, e acabo caindo na clássica pergunta:
- E o que você vai ser quando crescer?
Olha-me intrigada... Parece-me que não entendeu a questão e apresso-me a esclarecer:
- Você vai ser médica? Vai ser dentista? Professora?
Responde-me convicta:
- É claro que eu vou ser mãe!
Devo confessar que adorei a resposta! Diverti-me lisonjeada! (Também é verdade que, dias depois, contrariada com algumas exigências minhas, a pequena resolveu que queria mesmo era ser "vó"...).
O episódio fez-me pensar e corar. Por que não me ocorrera o papel de mãe como uma possibilidade futura para a minha filha, certamente não exclusiva, mas primordial? E por que ela, sem ter sido incentivada diretamente, amealhara para si esse sonho, essa aspiração?
Como é natural, não ando a esbanjar a toda hora, entre sorrisos e amabilidades, a felicidade de ser mãe, e temo que a minha filha não a veja estampada no meu rosto com a freqüência que eu desejaria. Mesmo assim, a maternidade revelou-se a grande aspiração dessa mulher-criança. Há aí um mistério que ultrapassa qualquer explicação de ordem cultural: jamais agi deliberadamente no sentido de criar a minha filha para ser mãe, e no entanto essa aspiração brotou com toda a espontaneidade no mais íntimo do seu ser.
Assim é: a mãe insiste em realizar-se na mulher. Diria mais: em toda a mulher..., por mais que um certo feminismo queira que pensemos de outra forma.» *
*Por um novo feminismo, Quadrante, São Paulo, 1995. pp. 3 e 4

A menina cresceu. Já alcança os últimos números da botoeira e vão-se delineando as preferências por determinados assuntos que a farão decidir por uma carreira. Contrariando todos os nossos planos, que eram, aliás, ambiciosos, ficou filha única, o que a levou a considerar, certa vez : "Se me caso com um filho único, meus filhos não terão tios!"
E por estes dias conversávamos com uma amiga, filha única, mãe de uma menininha, mas que já saboreia com grande entusiasmo o fato de ter sobrinhos... Assunto: a numerosa e agitada família do marido dela, com suas histórias que provam quanto os irmãos são importantes na educação dos filhos. E a minha filha cobrou da nossa amiga:
- Você não vai permitir que a Laurinha seja filha única, vai?
- Não vou, não! - ria-se. - Se não tiver mais filhos, adoto! - concluiu convicta.
Ora, ora! Que tempos de surpresas estes! Nem uma palavra sobre o futuro da carreira que os filhos têm o dom de comprometer, nem uma queixa quanto ao trabalho e preocupação que costumam provocar. Pelo contrário, um decidido posicionamento contra a solidão, firme defesa das possibilidades de os filhos serem tios, e os netos terem primos... Um yes eloqüente para a família!
E a minha filha, que antes queria ser mãe, agora quer ser mãe de muitos... Embora já domine perfeitamente o computador.

3 comentários:

Lucy e Jeff postou o comentário número:

oiee linda passei para deixar um beijo e desejar uma ótima semana .... e espero sua visitinha se cuida!

Karla postou o comentário número:

Oi linda!

Passei pra te deixar um bj e uma otima semana cheia de luz.

Mil bjsssss

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...